Qual colete refletivo devo escolher?

Quando buscamos na internet por “coletes refletivos”, uma gama enorme de modelos e cores diferentes aparecem na tela.

Mas afinal, qual deles você deve escolher?

As especificações mínimas dos coletes refletivos estão determinadas na ABNT NBR 15292:2013, norma que estabelece requisitos para as vestimentas de alta visibilidade. Uma das questões levantadas neste documento é a quantidade de tecido fluorescente e de faixas refletivas que devem ser utilizadas nos coletes, bem como os requisitos para confecção das peças. Tanto o material fluorescente quanto o refletivo devem circundar o tronco, garantindo 360° de visibilidade e não podem apresentar uma interrupção maior que 5 centímetros em sua extensão, caso haja alguma abertura lateral ou frontal ou algum bolso na confecção da peça.

Veja no exemplo abaixo:

Qual colete refletivo devo escolher?

De acordo com a norma ABNT NBR 15292:2013, os bolsos não podem interromper as faixas.

Outro detalhe que você deve prestar atenção é na largura da faixa refletiva do colete que não pode ser menor que 5 centímetros.

Além disso, tanto o material fluorescente quanto o refletivo devem ser aplicados permanentemente na vestimenta, não podendo ser agregados como acessórios, como por exemplo o colete de modelo em X e H.

Veja os exemplos a seguir:

Qual colete refletivo devo escolher?

O tecido fluorescente que compõe o colete pode ser tanto amarelo, como laranja, por serem cores que conferem maior visibilidade quando expostas a luz do dia por exemplo. Durante a noite, o material que exerce a função de aumentar a visibilidade são as faixas refletivas, que refletem quando iluminadas pelo farol dos veículos. Portando, com os coletes refletivos, o usuário estará seguro 24 horas por dia.

Na norma ABNT NBR 15292:2013, estão citadas 3 classes de risco, que são determinadas pela velocidade dos veículos e pela complexidade do ambiente. Os coletes refletivos da DM atendem à Classe de risco 2, ou seja, podem ser utilizados por usuários que se encontram em locais aonde a velocidade dos veículos é de até 80 km/h.

Estes tópicos apontados na norma não são somente meras formalidades, muito pelo contrário, eles são indispensáveis para a segurança do trabalhador que utiliza o colete refletivo. Afinal, é o colete que pode evitar que o usuário sofra um acidente, aumentando sua capacidade de ser visto em uma rodovia tanto durante o dia como durante a noite, por exemplo.

Por: Deborah Parra e Eliana Wendriner

Clique para conhecer os coletes da DM: http://bit.ly/2qJJ6tR

Surgiu alguma dúvida? Não tem problema! Ligue para a empresa que é especialista em refletivos: (19) 3327-6017 ou envie um e-mail para: contato@dmrefletivos.com.br