Polícia espanhola cria guia para jogar Pokémon Go

‘Se você vir um Snorlax ou um Vaporeon, não se guie só pela emoção.’ Guia alerta para jogador não capturar monstrinhos se estiver ao volante.

Policiais espanhóis posam com pokémons em fotografia divulgada pelo Ministério do Interior para campanha de prevenção de acidentes.
(Foto: Ministério do Interior da Espanha/Reuters)

A polícia nacional da Espanha publicou nesta segunda-feira (18) um guia de segurança para jogadores de “Pokémon Go”, depois que os usuários do game se envolveram em situações perigosas em outros países.

O aplicativo de realidade aumentada tem feito jogadores saírem às ruas das cidades em que foi lançado para capturarem pokémons com a ajuda da tela de seus celulares.

Desde o lançamento do jogo no início deste mês, já surgiram casos de roubos e situações perigosas no trânsito, devido às distrações associadas à caça dos monstrinhos.

“Lembre-se: é absolutamente proibido capturar um pokémon enquanto conduz ou anda de bicicleta”, diz a polícia espanhola no guia.

“Da mesma forma que outros aplicativos de geolocalização, isto pode ser usado por bandidos para saber quando você sai de casa ou onde está em um dado momento”, acrescentam as autoridades.

Em países como os Estados Unidos, onde “Pokémon Go” foi lançado alguns dias antes da Espanha, a entrada de jogadores em lugares como memorial do holocausto ou no Cemitério Nacional de Arlington em Washington provocaram reclamações.

“Se você vir um Snorlax ou um Vaporeon, não se guie só pela emoção, sua segurança vem primeiro”, alerta a polícia espanhola.

“Não ande no meio da rua, respeite os sinais de trânsito, não invada propriedades privadas e respeite as normas de espaços e edifícios públicos.”

O jogo de realidade aumentada ‘Pokemon Go’ é visto na tela de um smartphone em foto ilustrativa tirada em Palm Springs, na Califórnia, EUA.

(Foto: Sam Mircovich/Reuters)